Fariseu

Fariseu

Por Gustavo Bessa

 

Eu demorei a usar a mídia social. Talvez, por ter um temperamento mais reservado, eu resistia à ideia de publicar textos e fotos na internet (eu abri uma conta no Instagram há poucos meses). Por outro lado, por ter uma personalidade mais extrovertida, a minha esposa aderiu à mídia social rapidamente. Vez por outra, eu leio os textos publicados pela minha esposa bem como os comentários que as pessoas fazem. Essa leitura me fez descobrir um novo grupo de pessoas: os “haters”. Eles são a personalização contemporânea dos fariseus que viveram nos tempos de Jesus.

Os fariseus eram pessoas religiosas que ansiavam por algo novo da parte de Deus. Diferentemente dos saduceus (um outro grupo religioso dos tempos de Jesus), os fariseus acreditavam na ação dinâmica de Deus no mundo. Eles criam em anjos, em manifestações sobrenaturais e na ressurreição dos mortos. Eles viviam na esperança e ansiavam por um tempo novo. Por isso, quando eles ouviram falar de Jesus, eles começaram a segui-lo.

Contudo, ao invés de se aproximarem de Jesus para se maravilharem e glorificarem a Deus por aquilo que estava acontecendo, os fariseus se aproximavam de Jesus para fazerem suas críticas. Eles ouviam os ensinamentos de Jesus, viam aquilo que Deus fazia através dEle e criticavam! Eles sempre tinham alguma consideração negativa para fazer.

Se Jesus expulsava um espírito maligno de uma pessoa, lá estavam os fariseus, seguindo Jesus. Mas ao invés de glorificarem a Deus pela salvação de uma pessoa, eles criticavam, dizendo que Jesus estava endemoninhado. Se Jesus curava um homem na sinagoga no sábado, lá estavam os fariseus, seguindo Jesus. Mas ao invés de glorificarem a Deus pela cura de uma pessoa, eles criticavam, dizendo que Jesus não poderia fazer aquilo na sinagoga no sábado. Se Jesus se alegrava com os seus discípulos em uma festa, lá estavam os fariseus, seguindo Jesus. Mas ao invés de se alegrarem com os que se alegravam, eles criticavam, dizendo que Jesus era um comilão e um beberrão.

Os fariseus buscavam seguir Jesus em todos os lugares. Ele sempre estavam por perto para acompanhar o que Jesus comia, fazia e ensinava. Eles ansiavam por algo novo em suas vidas e no mundo à sua volta. Entretanto, apesar de seguirem Jesus, eles não eram amigos. Apesar de verem Deus fazendo coisas novas, eles não se alegravam. Por que? Porque, como os “haters” do nosso mundo contemporâneo, eles não conseguiam aceitar que Deus poderia fazer algo novo sem contar com eles.

 

 

FacebookTwitterGoogle+